sábado, fevereiro 15, 2014

Os homens cult são para amar depois dos 30

Você já reparou na linhagem dos homens cult? Não se pode viver a vida toda sem namorar um deles. Seria um desperdício.
O homem que mais me seduz é aquele que eu resolvi chamar de “cult” – o charmoso com traços fortes e viris, rosto fino e anguloso, olhar penetrante, sobrancelhas bastas e vincos de expressão, normalmente lábios finos. Costumam ser morenos ou castanhos. Um ar de poeta. Sorri sem gargalhar.
Não é o mais bonito, nem o mais macho nem o mais simpático. Certamente não é o mais falante – fica na dele, e dá uns toques inteligentes ou de humor sutil no meio da conversa. É irônico e não palhaço, não conta piadas.
O cult lê, e sabe os nomes dos autores. Vai a um filme e conhece o diretor. Conhece artes plásticas. O cult abre a porta do carro para você, sabe ler os mapas ou então conhece as ruas das capitais de cor.
Muitos arquitetos e escritores são “cult”. Misturam um blazer Armani com um tênis sem marca de cadarço colorido, repetem roupa, a camiseta pode ser vermelha, o decote em V. A écharpe é preta ou listrada. Gravata, eles fogem.
Na vida íntima, podem ser um pouco autoritários ou impacientes de vez em quando. Mas cuidam de verdade da mulher. Me Tarzan you Jane. Guardam o seu passaporte no bolso na hora da viagem para você não perder na bolsa.
Detestam freeshops ou comprinhas demoradas. Não são de ver vitrine e, quando precisam de algo, entram e compram em 10 minutos. Preferem escolher o próprio presente e não são muito afeitos a surpresas. Festa-surpresa então esquece. Mais de quatro pessoas é multidão.
Costumam ser independentes e gostam de mulheres que não peguem no pé deles. Eles também não pegam no pé delas – a não ser para fazer carinho.
Quer afastá-los? É só fazer uma cena de ciúme.
Ou falar de abobrinha sem parar. As palavras para eles têm peso e valor.
Não guardam datas, são mais práticos do que românticos. Preferem viagens urbanas e não vão para a Índia ou para o Deserto do Atacama no Chile…
Não olham para toda mulher bonita que passa. Ou, se olham, disfarçam. Sedutores, jamais galinhas.
São aqueles homens-rocha, que não caem em armadilhas emocionais mas te acalmam quando você está prestes a ter um ataque de nervos ou hormônios. São a imagem da maturidade. Excelentes no frio porque abraçam bem, não têm ansiedade nenhuma no sexo – não dão colo! – e escolhem os vinhos certos.
Eu acho que o cult é pra se apaixonar loucamente – sem mostrar demais. Ajuda se você tiver mais de 30 anos e não for muito insegura. Como ele gosta de escutar e é elegante, 90% de seus amigos são mulheres. Fica amigo de todas as ex, e as mulheres vivem pedindo conselhos a ele.
Aí vai uma lista de homens cult que selecionei para vocês. Não consegui lembrar de muitos brasileiros famosos que caibam nesse perfil. Se você tiver alguma sugestão, mande. Incrível como há britânicos nesse grupo. Incrível não. Acho que me rendi ao jeito introspectivo e ao humor inconfundível desses homens que conquistam sem fazer muita marola.
ralph-fiennes.jpg
Ralph Fiennes, ator inglês, 51 anos.


A Lista de SchindlerO Paciente InglêsO Jardineiro FielO Leitor

  alan-pauls-post.jpg
Alan Pauls, escritor argentino, 45 anos


Foi professor de teoria literária na Universidade de Buenos Aires, roteirista e jornalista
Seu livro mais conhecido no Brasil é O Passado, adaptado para o cinema

 jeremy-irons-post.jpg



Jeremy Irons, ator inglês, 605 anos

A Amante do Tenente FrancêsA MissãoGêmeos – Mórbida SemelhançaBeleza RoubadaLolita

walter-salles-post.jpg
Walter Salles, cineasta brasileiro, 58 anos


Filmes mais conhecidos que dirigiu: Terra EstrangeiraCentral do Brasil, Abril despedaçadoDiários de Motocicleta
gabriel-byrne-post.jpg



Gabriel Byrne, ator e produtor irlandês, 54 anos (antes de trabalhar em cinema, foi arqueologista, cozinheiro e toureiro)

Marcas de uma PaixãoAjuste Final (dos irmãos Coen), Os SuspeitosStigmata
Foi produtor executivo de Em nome do Pai, com Daniel Day-Lewis
 rodrigo-santoro-post.jpg
Rodrigo Santoro, ator brasileiro, 39 anos
Bicho de Sete CabeçasAbril DespedaçadoCarandiru (como o travesti Lady Di), Che (como Raul Castro)
 daniel-day-lewis-post.jpg
Daniel Day-Lewis, ator inglês com cidadania irlandesa, dois Oscar com Meu Pé Esquerdo e Sangue Negro


A Insustentável Leveza do Ser, Em Nome do Pai, Meu Pé Esquerdo, O Último dos Moicanos, As Bruxas de Salem, O Lutador, Gangues de Nova York, Sangue Negro
 tony-leung-post.jpg
Tony Leung, ator chinês, 52 anos, favorito dos cineastas Wong Kar-Wai e Ang Lee


Amor à Flor da Pele, 2046Desejo e Perigo
  
Como conheço tanto os cult – e o manual de instruções? Namoro um há 18 anos. Quando ele encontra alguém que se gaba demais de tudo, alguém muito marqueteiro, recorda invariavelmente uma citação de Sartre: “A vitória contada em detalhe se distingue muito pouco da derrota”.
Você já amou algum parecido?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficarei feliz em saber sua opinião