sábado, maio 18, 2013

Telepatia

Conexão:
A mente é como uma caixa d'água, de modo que os pensamentos são como a água. Para termos acesso aos pensamentos de outra pessoa, temos que conectar as “caixas d'água".
Para conseguir essa conexão, devemos pensar na pessoa, sentir a sensação que ela passa. Cada pessoa passa uma sensação única. Tendo essa sensação em mente, vocês estarão conectados. Como se um cano ligasse as duas caixas d'água.
 
Algumas pessoas podem falar: “Nunca vi você, como vou fazer telepatia?”
Eu digo; não é preciso ver a pessoa fisicamente ou ter contato visual. A mente vai trabalhar com sensações, e não com formas físicas. Você pode-se conectar à qualquer pessoa que já tenha tido um contato. A partir desse contato(mesmo à distancia) você tem uma sensação sobre aquela pessoa. Mesmo tendo-a visto pela TV, lido-a pelo msn, ouvido-a pelo celular.
 
 
Captando pensamentos:
Para saber o que a outra pessoa está pensando, basta fazer os pensamentos dela irem para a sua mente. Sendo como caixas d'água, basta criar o cano(conexão), retirar a água da sua(limpar sua mente, não pensar). Logo, a água da outra caixa, irá para a sua caixa “vazia”, e você terá acesso à sua água. Com o treino ficará cada vez mais fácil distinguir o que são os seus pensamentos e o que são os pensamentos da outra pessoa. Levando em conta que dificilmente sua mente ficará “calada”. No começo sempre vão aparecer os seus pensamentos lógicos. Mas quando eles se acalmarem, aparecerá algo que você perceberá que veio de fora, que não foi você que pensou. Com o treinamento, sua mente ficará cada vez mais sensível, melhorando as percepções extra-sensoriais.
 
 
Enviando pensamentos:
Para enviar um pensamento, basta criar a conexão e depois encher a sua mente com o pensamento que você quer que a outra pessoa tenha. De forma que sua “caixa d’água” vai encher tanto que parte da água irá para a outra, fazendo a pessoa ter o seu pensamento.
Um detalhe sobre essa segunda parte, é que; Se quiseres por exemplo fazer uma pessoa ir beber água, não deves pensar “Vá beber água!”.
E sim: “Devo beber água”, “Preciso beber água”, “Sede”, “Água”. De forma a pensar como se você fosse a outra pessoa. Pois é desta forma que o pensamento irá até ela.
 
 
Sobre conexões:
Todas as mentes estão sempre ligadas umas nas outras (como uma gigantesca encanação mundial/universal de caixas d’água). Até com animais é desta forma, como foi comprovado cientificamente;
 
“Numa determinada ilha alguns macacos passaram a pegar batatas, bater nelas e jogá-las na água do mar, fazendo com que o gosto delas, por causa do sal, ficasse mais saboroso. Este procedimento nunca foi visto antes. Passado um tempo considerável, uns seis meses, em outra ilha, outros macacos também começaram a jogar batatas no mar; e depois, com um intervalo de tempo menor, o mesmo ocorreu em outra ilha, e, de repente, todo arquipélago estava fazendo aquilo.”
 
O que vai ligar a sua mente à da outra pessoa, é a sua concentração nesta pessoa, na sensação que ela te passa. Toda pessoa é única, e vai passar uma sensação única. Concentre-se nessa sensação e todas as conexões que você tem com todas as pessoas do mundo/seres do universo, se ligarão a esta pessoa, fazendo as mentes se unirem mais. Então, como dito na técnica acima, “criar a conexão”; não é bem “criar” pois ela sempre existe com todos. É apenas direcionar essas ligações a uma única mente, facilitando a troca de pensamentos.
 
 
Glândula Pineal:
No que foi lido sobre Conexão, Enviar e Captar pensamentos, troque a palavra “mente” por “Glândula Pineal”.
 
“É considerada por estas correntes religioso-filosóficas como um terceiro olho devido à sua semelhança estrutural com o órgão visual. Localizada no centro geográfico do cérebro, seria um órgão atrofiado em mutação com relação em nossos ancestrais.
 Os defensores destas capacidades transcendentais deste órgão, consideram-no como uma antena. A glândula pineal tem na sua constituição cristais de apatita. Segundo esta teoria, estes cristais vibram conforme as ondas eletromagnéticas que captassem, o que explicaria a regulação do ciclo menstrual conforme as fases da lua, ou a orientação de uma andorinha em suas migrações. No ser humano, seria capaz de interagir com outras áreas do cérebro como o córtex cerebral, por exemplo, que seria capaz de decodificar essas informações. Já nos outros animais, essa interação seria menos desenvolvida. Esta teoria pretende explicar fenômenos paranormais como a clarividência, a telepatia e a mediunidade.
Segundo o físico-espiritualista, Dr. Valdir Aguilera, os pensamentos são irradiações ondulatórias produzidas por vibrações do espírito, encarnado ou desencarnado; ele não se propaga por ondas eletromagnéticas e sim através de ondas vibratórias. E o ambiente líquido onde a pineal está localizada de certa forma facilitaria a captação dessas ondas vibratórias.
  Por outro lado, os cristais de apatita que essa glândula contém são capazes de captar campos eletromagnéticos. É provável que seja então a interação desses dois fatores que fazem a pineal atuar como uma verdadeira antena vibrátil; e essa antena será tanto mais sensível quanto maior for o seu conteúdo de apatita.”
 


 
Prática
Se concentre na Glândula Pineal, sinta-a. Ela é a antena das percepções extra-sensoriais. Mantenha sua energia nela. Após isso, deverá sentir a sensação da pessoa que você quer ter contato telepático, sem deixar de se concentrar na Pineal. Mantenha a concentração nas duas coisas. Claro, com os olhos fechados é bem mais fácil. Se concentre na Pineal e na sensação que a pessoa passa. Após isso você decide o que quer fazer, já está conectado. Para captar os pensamentos, basta continuar com a “dupla concentração” e manter apenas isso na mente. No começo podem vir alguns pensamentos seus, com o treino você aprenderá a lidar com eles, fazendo eles aparecerem e irem embora. Deixando um espaço vazio para poder vir os pensamentos do outro.
 
Se quiser inferir algum pensamento, basta continuar com a concentração na Pineal e na sensação da pessoa e pensar o que você quer que ela pense(em primeira pessoa): “Essa comida está boa!” “Que raiva dessa pessoa!” “Adoro falar com fulano...”
 
Para inferir ações, deve-se fazer o mesmo procedimento: Concentração na Pineal, na pessoa e visualizar a ação.
 
Como o caso que mais aparece no chat, de pessoas querendo que alguém ligue, ou conte algo.
 
Método: Concentre na Pineal, na pessoa, e visualize como se você fosse ela(estando no corpo dela) e realizando a ação. No caso, mentalizando que é ela, pegando o telefone e ligando para você, e estando feliz por isso. É importante inferir felicidade também, para que a pessoa queira realizar a ação.
 
“Eu tentei inferir o pensamento e a ação mas não funcionou”
 
Existem casos em que você não vai obter resultados. Mas não quer dizer que a telepatia não funcionou. Por exemplo...
 
Você envia um pensamento à um ladrão para assaltar uma pessoa. Ele vai e assalta.
 
Você envia o mesmo pensamento, da mesma forma à um policial. E ele não faz nada.
 
Uma coisa a se perceber é o modelo de pensamento da pessoa. Se ele segue uma linha de pensamento de um ladrão, será mais fácil fazê-lo assaltar alguém. Mas a linha de pensamento de um policial é diferente. Então, mesmo que você faça ele pensar em assaltar alguém, ele dificilmente o faria.
 
Compreende? A telepatia em si, funcionou. Mas não quer dizer que a pessoa terá que realizar a ação. Da mesma forma que será muito mais difícil, fazer alguém que acabou de beber água, ir beber novamente. Ou alguém que está com ódio mortal de você, falar com você. Você pode até fazer a pessoa pensar em falar com você, mas ela não o fará por outros motivos.
Com outras coisas interferindo, é mais difícil, mas não impossível.
 
 
Treinamentos:
 
Cores/animais: Uma pessoa pensa numa cor ou animal, a outra pessoa busca ver o animal através da telepatia.
 
Objetos: Uma pessoa entra em um cômodo da casa que você não pode ver, e olha para um objeto. E você tem que ver qual é o objeto. A mesma coisa com cartas, e imagens.
 
Enviar imagem: Tente enviar alguma imagem para a pessoa, por exemplo, encha sua mente com uma praia, visualize apenas a praia. Depois de 3 minutos, pergunte se a pessoa pensou em uma praia.
Desenhos: Você desenha um símbolo e envia para a pessoa, que deverá desenhá-lo.
Um exemplo de um treino com um amigo:
http://img178.imageshack.us/img178/2972/desenhos.jpg
Símbolos de cima: Desenhei e enviei para ele.
Símbolos de baixo: Ele tentou captar meus pensamentos e desenhou os símbolos.
 
São algumas técnicas para se treinar telepatia. Cada uma pode ser feita de 3 forma diferentes.
 
1-Pessoa A enviando o pensamento, e pessoa B tentando captá-lo é a forma ideal para se treinar inicialmente. Pois os dois estarão treinando, e será mais fácil a troca.
(No caso das cores, você tenta enviar a cor que pensou e a outra pessoa tenta captar)
 
2-Pessoa A realizando a telepatia, enquanto a B permanece passiva.
(A tentando captar a cor e B apenas pensando na cor, sem tentar enviar)
 
3- B realizando a telepatia enquanto A permanece passiva.
(B envia a cor, e A age normalmente, sem tentar saber o que B está pensando. Se a cor aparecer mentalmente para A, então B está tendo bons resultados.
 
 
Considerações finais:
 
Toda técnica teórica e prática, e treinamentos foram testados e funcionam muito bem.
 
Lembre-se:
(Conectar) = (concentração na Pineal) + (concentração na Pessoa)
 
(Captar pensamento) = (Conectar) + (Esvaziar a mente)
 

(Enviar pensamento ou ação) = (Conectar) + (Mentalizar o que será enviado)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficarei feliz em saber sua opinião

você só descobre que se deu mal quando mensagens e convites param de chegar ao celular

lI ESTA POSTAGEM DO IVAN mARTINS HOJE E NÃO RESISTI. BATEU FEITO FLECHA.... Queira ou não, gente solteira vive em processo seletivo...