segunda-feira, setembro 28, 2015

Maçonaria e o novo Papa Fancisco

Andei lendo por aí umas coisas interessantes sobre profecias e aconteciementos recentes e não posso deixar de postar a matéria desse blog: deixo claro que os direitos autorias se encontram no link http://efesios612.com/2015/08/17/macons-apoiando-o-papa-abertamente-ordem-mundial-oculta-final/

Não posso negar que sou uma pessoa extremamente curiosa com relação à maçonaria e se eu não fosse mulher com certeza já estaria fazendo parte desta sociedade. Tudo que envolve mistério, curiosidade e conhecimento me dá muito tesão de pesquisar.

COMO PREVISTO PELO PADRE MALICHI MARTIN (E TOM HORN, CRIS PUTNAM), OS MAÇONS COMEÇAM A APOIAR PETRUS ROMANUS ABERTAMENTE; INDICANDO QUE ELE É O PRECURSOR SELECIONADO DA ORDEM MUNDIAL OCULTA FINAL

Por que a Maçonaria, uma organização condenada pela Igreja Católica, está dando suporte abertamente ao Papa Francisco?
Numa descoberta sem precedentes, pela primeira vez na história, essa organização, já chamada pelos pontífices anteriores como “a sinagoga de Satanás”, está dando boas vindas abertamente e abraçando o Pontífice Católico Romano.

Pope-Freemasons

Um jubiloso bem-vindo quando foi eleito dado pelos maçons de todo o mundo.
 A eleição do Papa Francisco lançou uma felicidade quase jubilosa dando suporte e boas vindas dos maçons ao redor do mundo. De fato, como apresentado pela Agência de Imprensa Maçônica, várias Grandes Lojas da América Latina, Europa e Ásia deram boas vindas simultaneamente à eleição do Papa Católico, algo sem precedentes na história da Igreja Católica.
Os Maçons italianos parabenizaram-no imediatamente no dia após sua eleição. De fato, o Grande Mestre do Grande Oriente da Itália expressou sua alegria com a eleição do Papa Francisco. Em 14 de Março de 2013, um dia depois da posse do Papa, com uma visão profética aparentemente estranha, o grão-mestre da maçonaria italiana, Gustavo Raffi, disse que “nada será como era antes”:
“Com o Papa Francisco, nada será que era antes. É uma clara escolha pela fraternidade e um diálogo com a Igreja, que não está contaminada pela lógica e a tentação de um poder temporário.
Um homem dos pobres bem distante da Cúria. Fraternidade e um desejo de diálogo foram suas primeiras palavras concretas. Talvez nada na Igreja será como era antes. Nossa esperança é a de que o pontificado de Francisco, o Papa que ‘veio dos confins do mundo’ possa marcar o retorno da Palavra-Igreja, ao invés da Instituição-Igreja, promovendo um diálogo aberto com o mundo contemporâneo, com crentes e não-crentes, seguindo os mandatos do Vaticano II.”
A Grande Loja da Argentina deu boas vindas oficiais à eleição do Papa Francisco. O grão-mestre da Argentina, Angel Jorge Clavero disse:
“A Grande Loja dos Maçons Livres e Aceitos, uma instituição com raízes nesse país desde 1857, dá boas-vindas à nomeação de nosso compatriota o Cardeal Jorge Bergoglio como Papa Francisco. Um homem de vida austera consagrada às suas devoções, a designação do novo pontífice da Igreja Católica supõe um grande reconhecimento da nação Argentina…Em nome de todos, a Grande Loja da Argentina cumprimenta o compatriota Cardeal o qual recebeu distinção tão alta no mundo.”

34048mason_pope2

Maçons nas Filipinas dão boas-vindas ao Papa Francisco
 Durante a viagem de Janeiro do Papa Francisco às Filipinas, dentre os grupos que o recebiam, estava o da Grande Loja de Maçons, os quais trouxeram uma página completa na edição de 16 de Janeiro de 2015 do seu principal jornal do país, o “Philippine Daily Inquirer.”
“A Sinagoga de Satanás”

franciscrowley
Vale lembrar aos leitores que, para a Igreja Católica, se tornar membro da maçonaria significa excomunhão automática. O Cardeal Ratzinger (o Papa Emérito Benedito XVI), então Prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, em 26 de Novembro de 1983, enfatizou:
“Os fiéis que se iniciarem nas associações maçônicas estarão num estado de pecado grave e não deverão receber a Santa Comunhão… Consequentemente, nem a excomunhão e nem as demais penalidades previstas serão revogadas.”
Vários Papas têm condenado a maçonaria através dos anos. O Papa Léo XIII chamava a maçonaria de “a sinagoga de Satanás”. Em sua carta ao povo italiano, datada de 8 de Dezembro de 1892, Léo XIII escreveu:
“Lembremo-nos que o Cristianismo e a Maçonaria são essencialmente incompatíveis, de tal maneira que se tentar juntar os dois significa se divorciar de um deles. Dessa forma, devemos expor a Maçonaria como inimiga de Deus, da Igreja e de nossa pátria.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ficarei feliz em saber sua opinião